Amanhã, na Grande Reportagem

A 24 de Abril de 1974 a polícia política tinha 2626 funcionários. A PIDE/DGS ocupava 39 edifícios do Estado e arrendava 60 outros. Nalguns desses edifícios, portugueses torturavam portugueses. É difícil de imaginar o que será passar 31 dias e 31 noites sem dormir, sob a tortura do sono. Fernando Vicente sabe o que isso é. Este engenheiro civil sofreu, na cadeia de Caxias, uma das mais longas torturas do sono de que há registo na História de Portugal.
Aurora Rodrigues tinha 21 anos quando foi presa pela PIDE/DGS, a 3 de Maio de 1973. Participava num encontro de estudantes. Foi levada para a prisão do Forte de Caxias, onde permaneceu quase três meses sem a assistência de um advogado e em isolamento. Durante este tempo foi sujeita à tortura do sono, a humilhações e a espancamentos.
A 27 de Maio de 1962, a PIDE prendia Maria Custódia Chibante, no Couço, uma localidade ribatejana onde o Partido Comunista Português estava fortemente implantado. Esteve detida durante seis meses em isolamento, sem direito a visitas e sob tortura.
"24 de Abril" é a Grande Reportagem SIC deste domingo, com testemunhos impressionantes sobre a tortura, um documento único sobre a história recente de Portugal.
Uma reportagem de Sofia Arêde, com imagem de Jorge Pelicano, edição de imagem de Marco Carrasqueira e grafismo de Cláudia Ganhão.

Comentários