SIC fecha Novembro em 3.º

A um mês do final do ano, as posições das estações em sinal aberto permanecem inalteradas face a Outubro. Até 29 de Novembro a TVI mantém-se na liderança em all day com um share de 27,3%, seguida da RTP1 com 25,4% e da SIC que obtém um share de 23,2%.
No total do dia, apenas a estação de Queluz não vê subir o seu share face a Outubro, tendo caído 0,9 pp. A RTP1 vê no período subir em 1,1 pp o seu share, a maior subida do mês, aumentando a SIC, por seu turno, 0,1 pp em relação ao mês anterior. Já na comparação homóloga tanto a TVI como a SIC registam descidas: em Novembro do ano passado a TVI obtinha um share de 27,5% e a SIC registava 24,3%. A RTP melhora o seu desempenho no total de dia face a igual período do ano passado, mês em que assinalava um share de 24,7%.
No prime time a TVI continua a liderar em Novembro com um share de 30,3% – embora desça face ao mês anterior, período em que obtinha 33,1% -, seguida da SIC e da RTP1 com 23,3 e 23,2% de share, respectivamente. Ambas as estações melhoram o seu share neste bloco horário em relação a Outubro, mês onde assinalavam um share de 22,4 e 22,6%, respectivamente, mas em Novembro a RTP1 encurta em 0,1 pp percentuais a sua distância face à estação de Carnaxide neste período horário.
Analisando as audiências por faixas horárias, a RTP é a estação que lidera consecutivamente em termos de share entre as 7h e as 14h, voltando na faixa entre as 18h e as 20h a ser a estação com maior share, com 29,9% – faixa de acesso ao acesso prime time que antes era liderada pela SIC, deixando a estação de Carnaxide de liderar em qualquer dos períodos horários. A TVI, por seu lado, lidera nas faixas entre as 14h e as 18h e, consecutivamente, entre as 20h e as 26h30.
Até 29 de Novembro a RTP2 obtinha em all day e no prime time um share de 4,7%, e o universo cabo/outros regista um share de 19,4% no total de dia e de 18,4% no horário nobre, valores que representam um crescimento desta plataforma em relação a igual período do ano passado, altura em que obtinham um share de 18,4 e 15,7% de share, respectivamente.
M&P

Comentários