DANCIN' DAYS

estreia SEGUNDA na SIC a novela onde vale a pena sonhar!

ÍDOLOS

Domingo temos músicas do século XXI com os 10 finalistas

BOA TARDE

O talk show das tardes da SIC

ROSA FOGO

Assiste à novela no horário nobre da SIC

FINA ESTAMPA

Já estreou na SIC!

31 de janeiro de 2011

Rectificação da notícia "Companhia das Manhãs termina sexta-feira"

Informação existente em vários locais levaram a um erro. O programa Companhia das Manhãs não termina na sexta-feira. Termina sim a participação de Francisco Menezes na apresentação do programa das manhãs da SIC. Tal como o SIC Blogue avançou de manhã Francisco Menezes explicou no seu facebook que a sua participação termina na sexta-feira sendo por isso a sua última semana a fazer-nos Companhia...
Segunda-feira haverá surpresas no programa que começa às 10h.

Companhia do Amor a 14 de Fevereiro

Já passam as promoções de mais um especial da SIC. Companhia do Amor é mais um especial que será emitido no dia 14 de Fevereiro para comemorar o dia dos namorados. Iva Lamarão volta à promoção do carro (Audi Q5) sendo que a apresentação do programa deverá recair novamente na dupla de Nuno Graciano e Merche Romero.

Companhia das Manhãs termina na sexta-feira

O programa Companhia das Manhãs termina nesta sexta-feira. A confirmação da notícia é avançada no facebook de Francisco Menezes pelo próprio que refere que “Começo hoje a minha última semana de 'Companhia'”. Isto quer dizer que o programa de Júlia Pinheiro estreia na segunda-feira dia 7 de Fevereiro.
Termina assim na sexta-feira a aventura que começou no dia 14 de Setembro de 2009. Reveja a estreia agora.

SIC tem talento para o futebol

E o domingo fechou com uma vitória da SIC com Portugal Tem Talento a liderar a tabela com 38,4% de share e 16,1%. Foi, de resto programa mais visto do dia na tv. A Grande Reportagem SIC foi o 3.º mais visto do dia com 34,8% de share e 15,2% de audiência média. A fechar os cinco mais vistos esteve o jogo de futebol da Bwin Cup entre o Aves e o SL Benfica com 35,7% de share e 13,2% de audiência média.
SIC – 30,7%
TVI – 29,2%
Cabo – 20,4%
RTP1 – 16,5%
RTP2 – 3,3%

30 de janeiro de 2011

Portugal tem Talento já terminou! Vota na sondagem!

Está terminado o primeiro programa de Portugal Tem Talento. Bárbara Guimarães está na condução enquanto que a jurar estão Ricardo Pais, Conceição Lino e José Diogo Quintela. O início foi em Lisboa e depois passamos para Braga! Neste programa já fomos surpreendidos por alguns talentos e outros que ficaram a desejar!
Para a semana temos o segundo programa. Mas agora o SIC Blogue quer saber a tua opinião! Qual é a classificação que dás à estreia de Portugal Tem Talento? Tens três hipóteses de resposta: Não Gostei, Gostei e Gostei Muito. Vota até ao próximo dia 5 de Fevereiro sendo que depois será revelada a votação final!
Depois de votar podes dar uma vista de olhos pelo site oficial do programa. Clica AQUI e vai ver o que o site tem para te oferecer!

Números da Semana - 23 a 29 de Janeiro

Muito boa tarde! Sê bem-vindo aos “Números da Semana”
E nesta segunda edição desta rubrica trazemos os números da semana acumulados de 23 a 29 de Janeiro.
E o número da semana é:
22,9%
O total acumulado desta semana foi precisamente 22,9% de share sendo que o dia em que a SIC teve mais audiência foi 24,1% no passado dia 23 de Janeiro e o dia que teve menos share foi na quinta-feira em que o canal fez 22,1% de share. Este share acumulado fica abaixo do acumulado na última semana que foi de 23,5%
O programa mais visto desta semana, à semelhança da semana anterior foi o Jornal da Noite. O noticiário que teve Clara de Sousa na condução conseguiu inclusivamente estar por 3 vezes no top5 (segunda, quarta e quinta-feira) sendo que na quarta e na quinta-feira foi o 3.º mais visto do dia na tv portuguesa. No domingo, dia eleitoral, o programa preferido dos espectadores da SIC foi um filme.
Até para a semana, sempre às 15h!

Alta Definição nos 40,6% com Manuela Moura Guedes

Ontem a SIC transmitiu mais um Alta Definição. Um Alta Definição que contou com Manuela Moura Guedes. O anúncio estava feito: "Uma entrevista que vai dar que falar" e os portugueses quiseram saber o que fez com que o programa de entrevistas de Daniel Oliveira fosse o mais visto. Além disso os 40,6% de share e os 9,0% de audiência média foi quanto bastou para que conseguisse bater todos os programas Alta Definição exibidos até ontem.
Parabéns por 2 motivos: por mais um aniversário e pela audiência do programa!

Bwin Cup em 4.º lugar

E durante este sábado o programa mais visto do dia no canal foi o jogo da Bwin Cup entre o Gil Vicente e o FC Porto. O encontro que ditou a eliminação da equipa azul e branca da prova teve 10,7% de rat e 26,5% de share. Foi o 4.º programa mais visto do dia.
Quanto ao share diário a SIC voltou ao 2.º posto trocando com a RTP1.
TVI – 26,6%
SIC – 24,1%
RTP1 – 23,2%
Cabo – 21,1%
RTP2 – 5,0%

Laura Figueiredo em entrevista

Laura Figueiredo é reservada, mas já se sente menos envergonhada quando se movimenta no mundo cor-de-rosa. O novo rosto do ‘Fama Show' (SIC) nasceu no Brasil há 24 anos, mas foi em Portugal que cresceu. (...)
- Está no ‘Fama Show' desde Novembro. Que balanço faz?
- Estou a gostar imenso e estou sempre a aprender.
- Como é que surgiu o convite?
- O convite surgiu inicialmente para fazer os directos do ‘Ídolos'. Depois, como estavam a precisar de alguém no ‘Fama' para fazer a licença de parto da Cláudia, convidaram-me.
- Quando via o programa em casa, alguma vez se imaginou a apresentá-lo?
- Nunca mesmo. Nem sequer alguma vez tive pretensões de apresentar fosse o que fosse. Mesmo representar, aconteceu tudo por acaso. As coisas na minha vida têm vindo a acontecer sem eu pensar nelas.
- Gosta de ser surpreendida?
- Adoro. Quando surgiu o convite para o ‘Ídolos' fiquei um bocadinho reticente porque não era a minha área, mas como era uma coisa pequena, fácil e que se ia levando, aceitei. É sempre melhor ter dois caminhos do que só a representação.
- Quando a convidaram para o ‘Fama Show' sentiu-se preparada?
- Raramente me sinto insegura na vida. Mas neste caso tratava-se de mulheres lindas, com anos de experiência, todas elas óptimas profissionais, e confesso que me senti com pouca confiança.
- Como é que foi recebida?
- No ‘Minuto Ídolos' já lidava muito com elas porque trabalhávamos todas na mesma sala, logo fui super bem recebida. Parecia que já as conhecia há imenso tempo. Todas elas me ajudaram a perceber o que era pretendido.
- E a Laura, pediu-lhes conselhos?
- Pedi. Era tudo novo para mim. Queixava-me que representar são 12 horas todos os dias e só temos uma folga por semana, mas o ‘Fama' é bem pior. Nós saímos e ainda estamos a pensar em como é que vamos montar a peça. É muito trabalho, elas têm imenso valor.
- O que gosta mais de fazer?
- Gosto muito de fazer a edição, que a maior parte das pessoas não gosta. Talvez porque na representação não depende de nós o modo como vai ser feita a cena. Dá-me imenso prazer poder ser eu a montar as coisas como gosto.
- Como é que está a lidar com o mundo cor-de-rosa? Já se sentia inserida?
- Não, de todo. Sou uma pessoa reservada e não estava inserida de modo algum no mundo dos famosos. Uma coisa é certa, esta experiência está a dar-me muito mais descontracção, sou muito menos envergonhada. Eu era daquelas pessoas que chegavam a qualquer lugar e ficavam num canto. Hoje tenho noção de que é preciso falar, conviver e ganhar à-vontade com estas pessoas famosas, que acabamos por ver em casa e idolatramos sem conhecer.
- Houve algum desses famosos que tivesse gostado particularmente de conhecer?
- Muita gente. Há pessoas que não nos dizem nada de especial, mas depois fala-se com elas e são interessantíssimas. Têm muita coisa para ensinar, são super disponíveis...
- Já se considera uma pessoa famosa?
- Acho que não. Considero-me uma miúda de 24 anos que tem a sorte de estar a trabalhar naquilo que gosta. Noto que o reconhecimento acaba por ser mais pela personagem, quando as crianças me abordam e me dão um mega abraço. Isso para mim vale o meu dia.
- Não mudou nada nos seus hábitos desde que aparece na televisão?
- Não, até porque na televisão aparecemos mais cuidados, com outro tipo de roupa, e eu sou muito discreta, tranquila. Uso ténis... Há pessoas que até pensam que posso ser eu, mas depois dizem que não, porque me acham muito baixinha. Até agora as abordagens foram muito positivas. Ninguém me tratou mal.
- Como é que surgiu no mundo da televisão?
- Comecei com os ‘Morangos com Açúcar' há três anos, por acaso. Comecei por fazer publicidade. Estava a viver sozinha e precisava de dinheiro. Foi aí que surgiu o convite para fazer o workshop dos ‘Morangos'. Só depois de começar é que percebi que era mesmo isto que queria fazer, que é isto que me faz ter um brilho nos olhos, por mais cansada que esteja.
- Então a experiência de representação ainda não se pode comparar à apresentação?
- Não, ainda não. A representação é o meu sorriso, é tudo. Mas de apresentar, estou a começar a gostar de mais. Já estou a começar a ficar assustada! Há muitas pessoas que dizem que não conseguem viver sem representar, mas também não podem passar sem apresentar. É uma loucura.
- Gostava que a SIC lhe desse a oportunidade de continuar a conciliar as duas áreas?
- É difícil, mas estou só a fazer a licença da Cláudia. Assim que ela voltar, posso ir para uma novela.
- É certo que vai sair do ‘Fama'?
- Sim, em princípio sim.
CM

29 de janeiro de 2011

A frase da semana - 2.ª temporada 4.ª edição


E para esta 4.ª edição da Frase da Semana resolvi trazer um rosto incontornável da televisão em Portugal: Manuela Moura Guedes é uma cara da SIC e prepara-se para trazer um formato na área da informação. Por isso mesmo a frase desta edição está relacionada precisamente com esta informação.

"Tenho medo (...) porque há muita expectativa"

às 21h de quinta-feira (excepcionalmente) estamos de volta para a 5.ª edição!

Família Mata ganha forma

Já são conhecidos alguns dos actores que vão estar na Família Mata! O nome de José Pedro Gomes já era conhecido do público português. Agora, juntam-se ao elenco da nova série da SIC Maya Booth, Maria João Abreu, Marco Horácio e Vítor Espadinha. Aqui temos alguns regressos ao canal como é o caso de Maya Booth e Maria João Abreu que ultimamente os portugueses têm visto na concorrência (TVI).
Já Vítor Espadinha volta à antena da SIC depois de ter feito o "Máquina" em Podia Acabar o Mundo.

"As audiências são pessoas" > Bárbara Guimarães

Regressa no domingo com o concurso Portugal Tem Talento. Mas, afinal, qual é o talento escondido de Bárbara?
(gargalhada) Os meus talentos estão bem escondidos até 6 de Março. Quando começar a fase das galas, vou responder a isso ao vivo e em directo. Acho que vou conseguir surpreender (risos).
Como tem sido este regresso ao trabalho?
Um regresso ao trabalho muito intenso e divertido. Estivemos em audições em Lisboa, Braga e Faro. O júri vai agora reunir-se e seleccionar os 40 concorrentes das semifinais em directo.
Era este formato de caça-talentos que estava a apetecer-lhe apresentar?
Adoro o formato. Pode funcionar muito bem na televisão actual. Era bom que funcionasse tão bem como tem funcionado nos outros países. Porque não é só o canto e a dança, no fundo. Vamos ter um leque de actuações muito diverso e surpreendente. Qualquer pessoa de qualquer idade, com qualquer talento, pôde participar.
Tem-se surpreendido com o talento que tem visto por este País?
Tenho muito! Não direi com todos, mas com grande parte. Há de tudo nos castings. Nunca imaginei, por exemplo, que houvesse talento para o parkour (risos). Este programa significa isso: a liberdade para recebermos o que quer que seja de talento. Há pessoas que nunca estiveram num palco e muito menos na televisão.
E cromos, também há?
(gargalhada) Não gosto de os chamar assim. Isso era mais no Ídolos (risos). Mas é natural que existam pessoas que estão convencidas de que têm imenso talento... Há actuações bizarras, mas isso também nos diverte.
O que podemos esperar da fase dos castings?
São divertidíssimos. As pessoas vão ter noção do que se faz em Portugal. Ter uma plateia aberta a toda a gente durante as audições fez que esta seja vibrante e muito intensa. Acaba por ser um júri em si.
Temos um júri feroz neste concurso?
(risos) Temos um júri com uma qualidade feroz. É maravilhoso, muito bem escolhido. Têm em comum o humor. O júri diverte-nos muito ao longo do programa. Mas não podemos comparar este júri com o do Ídolos, é em tudo diferente.
Consegue descrevê-los? Comecemos por José Diogo Quintela...
Hilariante, rápido, inteligente e cheio de humor.
Ricardo Pais é...
Muito sério e muito assaz nos seus conselhos.
E Conceição Lino?
A Conceição, de repente, tornou-se numa justiceira (risos). Vamos ter boas surpresas com ela.
Está confiante em relação às audiências?
Expectante.
Que tipo de relação tem com estes números?
As audiências são pessoas, ao fim ao cabo. Eu quero ter um público que se fidelize com este programa. Uma vez que o Portugal Tem Talento tem concorrentes de todas as gerações, é um programa para a família. É para todas as idades. Estou confiante que vamos ter muitas pessoas a ver-nos e uma boa audiência.Nos últimos anos, temos assistido a uma sobrecarga de programas de caça-talentos na grelha de todos os canais. O que é que Portugal Tem Talento traz de diferente?Este concurso tem canto, tem dança, mas tem outras coisas mais e isso nós nunca tivemos em televisão. Essa é a grande diferença: a grande diversidade de actuações e talentos.
A Bárbara esteve em Londres a assistir ao original Britain's Got Talent. Espreitou também a versão portuguesa que a RTP fez em 2007, Aqui Há Talento, com Sílvia Alberto?
Não cheguei a ver. Foi-me dito que essa era uma edição diferente da nossa. Tinha outros procedimentos, não passava pelas audições, não tinha a plateia, não era tão extenso, etc.
E o seu filho Dinis Maria, de 6 anos, já revela algum tipo de talento?
(risos) Aquilo que posso dizer é que o Dinis vai ver este programa. O meu filho vai adorar o Portugal Tem Talento, até porque tem muitos momentos de magia e o Dinis adora isso.
A Carlota, de três meses, esteve consigo durante a gravação dos castings...
Sim. Senti-me privilegiada por levá-la comigo. Sendo ela tão pequenina e tendo eu também feito uma licença de maternidade tão curta, tinha de a ter comigo pelo menos nesta fase inicial. E ainda bem, ela tem-se portado bem (risos).
JN

Jornal da Noite desce ao 6.º posto

Depois de vários dias nos cinco mais vistos eis que nesta sexta-feira o Jornal da Noie desceu para o 6.º posto sendo novamente o programa mais visto da SIC durante o dia 28 de Janeiro. Com um share de 25,1% e uma audiência média de 10,4% o noticiário das 20h da SIC foi o menos visto dos 3 noticiários das três estações.
TVI – 27,7%
RTP1 – 25,2%
SIC – 22,3%
Cabo – 20,5%
RTP2 – 4,3%

Resultados da Sondagem "Presidenciais 2011"

Ao logo dos últimos seis dias o SIC Blogue apresentou-lhe uma nova sondagem! A SIC transmitiu um simultâneo entre a Generalista e a SIC Notícias. Perguntamos aos leitores do blogue qual era a pontuação que davam à emissão da noite eleitoral da SIC. Com pontuações de Mau, Médio, Bom, Muito Bom e Excelente, 89 votos foram apurados nesta sondagem. 31% (28 votos) consideram que a emissão das presidenciais foi Mau dando-lhe a pontuação mínima. 20% daqueles que votaram (18 votos) consideram que a emissão da SIC foi Boa (Bom). 19% (17 votos) consideram que a emissão foi Excelente dando a pontuação máxima. 15 votos que correspondem a 16% dos votos apurados consideram que a emissão foi média e 12% (11 votos) consideram que a emissão das Presidenciais 2011” foi Muito Bom.
Obrigado a todos pela votação sendo que brevemente será lançada uma nova sondagem.

28 de janeiro de 2011

Bárbara Guimarães confiante em boas audiências

É já no domingo que Bárbara Guimarães regressa à SIC e ao trabalho, com o concurso Portugal Tem Talento, apenas três meses depois de ter sido mãe pela segunda vez. "Este tem sido um regresso ao trabalho muito intenso e divertido", revela a apresentadora.
Em entrevista à revista Notícias TV, revista que está hoje nas bancas com o Diário de Notícias e o Jornal de Notícias, Bárbara Guimarães confessa já ter saudades do directo e adianta que vai mostrar qual é o seu talento, quando a fase das galas em directo do concurso começar. "Os meus talentos estão bem escondidos até 6 de Março. Acho que vou conseguir surpreender", ri-se.
Até lá, a SIC transmite a fase dos castings. "Há de tudo nas audições. São divertidíssimas. Há algumas bizarras, mas isso também nos diverte", atira a apresentadora, que afirma estar "confiante" numa boa audiência.
Portugal Tem Talento terá como jurados José Diogo Quintela, Ricardo Pais e Conceição Lino. Todo o tipo de talentos, de pessoas de todas as idades, são permitidos no concurso.
DN

Jornal da Noite mantém-se no 3.º posto

O Jornal da Noite voltou a ser o mais visto da SIC! O noticiário conduzido por Clara de Sousa voltou a ser o terceiro programa mais visto do dia com um share de 28,7% e um rat de 12,5%.
TVI – 28,2%
RTP1 – 26,4%
SIC – 22,1%
Cabo – 18,1%
RTP2 – 5,2%

Directos do Portugal tem Talento a partir de 6 de Março

Estreia já neste domingo o programa onde se sabe se Portugal Tem Talento. Os portugueses vão ver audições que foram realizadas em Lisboa, Braga e Faro sendo que essa parte do programa já está toda gravada.
Mas o programa também vai ter directos. Directos que vão começar a ser transmitidos a partir de 6 de Março. Nessa fase do programa (semi-final) só estarão 40 concorrentes em competição. Só 2 vão passar à grande final sendo que aí o público será chamado a decidir em conjugação com a escolha do júri.
A partir deste domingo vamos ter Bárbara Guimarães na condução deste concurso sendo que a decidir estarão Ricardo Paes, Conceição Lino e José Diogo Quintela.
Entretanto podes dar uma saltada até ao site oficial do programa. Clica AQUI!

O segredo é a alma do negócio

‘Laços de Sangue’ foi um dos formatos apresentados pela estação de Carnaxide, representada por Nuno Santos e Luís Proença, da direcção de Programas, e Gabriela Sobral, directora de Produção.
"Houve vários interessados", adiantou ao CM Nuno Santos, sem querer avançar mais pormenores, já que a "comercialização dos formatos é feita pela TV Globo", que, ao todo, expôs 21 conteúdos, como ‘Ti Ti Ti’, ‘Escrito nas Estrelas’ e ‘Passione’, todas emitidas na SIC.
CM

27 de janeiro de 2011

Domingo, entre no Allure of the Seas

“A cidade flutuante” é o mote para uma Grande Reportagem que a SIC emite este domingo a partir do Allure Of the Seas. Por incrível que pareça a foto que acompanha esta peça é mesmo dentro do navio que tem capacidade para transportar 6000 mil turistas. Domingo, a seguir ao Jornal da Noite embarque neste navio de sonho e fique a conhecer alguns dos pormenores de um navio com 360 metros de comprimento. Além disso tem ainda a capacidade para mais de 2000 tripulantes a juntar aos turistas.

Jornal da Noite em 3.º

O Jornal da Noite desta quarta-feira subiu ao 3.º lugar. Combatendo directamente com o futebol da TVI e com o noticiário da RTP1, o Jornal da Noite conseguiu ficar em 2.º no horário das 20h. É, de resto, o único programa da SIC a ocupar o top5 das audiências. Com um share de 28,6% e audiência média de 12,5% o jornal da Clara de Sousa foi o programa mais visto da SIC.

Nova novela marcou uma época

Nuno Santos está de regresso do NAPTE onde esteve presente durante os últimos dias para acompanhar o desenvolvimento do mercado televisivo. Em Miami, onde se realizou este festival internacional de televisão, o director de programas aproveitou para se voltar a reunir com alguns responsáveis da TV Globo por forma a preparar a nova parceria na ficção com a estação brasileira.
No seu facebook profissional, Nuno Santos garantiu que o anuncio da mesma está para breve e que “se trata de uma história que marcou uma época”.

Peso Certo já recebeu mais de 8000 inscrições

O exercício físico intenso a que os concorrentes de ‘The Biggest Loser’ são sujeitos está a preocupar algumas associações portuguesas que lutam contra a obesidade e que querem garantir que os seus associados, muitos deles já inscritos em ‘O Peso Certo’, a versão nacional do programa, que estreia em Abril, na SIC, não sairão prejudicados.
É o caso da Adexo (Associação de Obesos e Ex-obesos de Portugal), que colocou no seu site um alerta para os perigos de perder peso em apenas três meses. "Já entrámos em contacto com a produtora do programa [Fremantle] para falarmos sobre os critérios de escolha dos concorrentes. Disseram que, assim que a estrutura estiver montada, marcam uma reunião connosco e com a Sociedade Portuguesa para o Estudo da Obesidade", adianta ao CM Carlos Oliveira, presidente da Adexo. Este alerta para o facto de, nos EUA, muitos dos concorrentes de ‘The Biggest Loser’ terem sido posteriormente submetidos a cirurgias às ancas e joelhos. "Quem é que depois paga estas cirurgias? É que o Serviço Nacional de Saúde pode recusar o tratamento a um doente que se tenha sujeitado voluntariamente a uma situação como esta. Por outro lado, se as mensagens forem as correctas, o programa pode ser uma mais-valia."
Contactado pelo CM, Frederico Ferreira de Almeida, presidente da Fremantle, garante que "todos os candidatos são sujeitos a uma cuidada avaliação clínica antes de serem seleccionados". Além disso, ao longo do concurso os concorrentes são submetidos a "métodos diferentes de exercício e de dieta, tendo uma equipa médica a acompanhá--los permanentemente".
Refira-se que a Fremantle já recebeu cerca de oito mil inscrições para ‘O Peso Certo’.
CM

26 de janeiro de 2011

A frase da semana - 2.ª temporada 3.ª edição


Boa Noite!!!
E se nas primeiras 2 edições desta temporada d' A Frase da Semana trouxe aqui duas declarações de recentes aquisições da estação, nesta edição temos uma declaração da apresentadora que está prestes a estrear Portugal Tem Talento mas hoje trazemos uma declaração da apresentadora acerca do seu último programa (MF Sarilhos em Casa).

Nunca se percebeu bem o que aquilo era.
O MF não era consistente

Até Sábado às 17h20 (excepcionalmente) para a 4.ª edição da rubrica “A Frase da Semana”

No caminho para o Festival da Canção... a passagem pelo Boa Tarde

Manuela Moura Guedes em Alta Definição

Maria Manuela Guedes Outeiro Pereira Moniz nasceu a 23 de Dezembro de 1955 no Cadaval e o seu nome profissional é Manuela Moura Guedes. Depois do Cadaval foi para Torres Vedras e daí chegou à capital para frequentar a Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Posteriormente entrou para a RTP como locutora de continuidade. No entanto, em 1979 passa à apresentação do Festival RTP da Canção acompanhada por Fialho Gouveia.
Lança a par da sua carreira de apresentação, a carreira musical onde edita dois discos. Foi uma das vozes da Rádio Comercial e pouco tempo depois passa para a informação da RTP.
Em 1995 chega à Assembleia da República como deputada do Partido Popular. Nesse mesmo ano chega à TVI onde se torna pivô do noticiário das 20h. Na estação de Queluz ficou até 2009 saindo da estação depois da suspensão do noticiário que apresentou por cerca de 2 anos.
Recentemente assinou um contrato com a estação de Carnaxide abraçando o projecto proposto pelo director de programas Nuno Santos.
Este sábado é a entrevistada de Daniel Oliveira em mais um ALTA DEFINIÇÃO! A não perder neste último programa do mês de Janeiro.

14 de Março pode ser a data de estreia de Júlia Pinheiro

A grande contratação da SIC, Júlia Pinheiro, assume o comando das manhãs de Carnaxide a 14 de Março, apurou o DN junto de fonte da SIC. Dos colaboradores de Companhia das Manhãs, apenas Hernâni Carvalho deverá transitar para o novo talk show matinal. O nome do programa ainda não está decidido, mas Júlia Pinheiro já fez a primeira exigência, que a produção esteja a cargo da Endemol, revela a mesma fonte.
A decisão coloca fim à aliança de 18 anos de trabalho entre a SIC e o produtor Manolo Bello, que é, assim, afastado de um horário que, no final dos anos 90, levou a estação à liderança. "Vamos estar a trabalhar até 11 de Março e depois passa a ser a Endemol", confirmou ao DN o produtor.
Foi com Bello que a apresentadora começou por conduzir as manhãs, em SIC 10 Horas. E não só: Júlia, já em funções na TVI, aceitou alguns convites pessoais de Manolo Bello para estar presente em festas oficiais promovidas pelo produtor. Este não guarda ressentimentos. "A direcção da SIC disse estar interessada em continuar a trabalhar connosco só que no day time dos canais temáticos", afirma o responsável, que nada adianta, para já, sobre os despedimentos que vão ter lugar na sua equipa. Pedro Boucherie Mendes, director dos temáticos, desconhece a chegada do produtor, mas afiança que "são decisões tomadas por pessoas acima de mim", diz. Lurdes Guerreiro, directora-geral da Endemol, vai reunir-se com Júlia Pinheiro nos próximos dias "para definir conteúdos".

Entregue o cheque da SIC Esperança à ADS de Gondomar

Foi lançado no passado dia 6 de Outubro, por altura do sétimo aniversário da SIC Esperança, a primeira edição do prémio SIC Esperança-Rock in Rio Escola Solar. Entre as mais de 100 candidaturas, que tinha como objectivos a melhoria da qualidade de vida, em particular de pessoas socialmente desfavorecidas, integrados no conceito da temática anual da SIC Esperança, o vencedor foi o protejo Boa Esperança apresentado pela Associação para o Desenvolvimento Social de Gondomar.
Este projecto visa a criação de uma cozinha comunitária de solidariedade social, com fortes elementos diferenciadores de refeitórios sociais comuns e apoio comunitário, havendo uma procura de manutenção da identidade dos seus utilizadores, tornando-os activos no processo através de voluntariado local. A Associação para o Desenvolvimento Social de Gondomar foi premiada com 18.288,50 euros necessários para a implementação deste projecto.
A entrega simbólica decorreu dia dia 20 de Janeiro as 15h, na sede dos Bombeiros de Gondomar, seguindo-se a visita à obra da cantina social que já está em marcha.
Este momento contou com a presença da Mercedes Balsemão.

25 de janeiro de 2011

Companhia das Manhãs recebeu actores de Laços de Sangue

Fama Show deste domingo visto por mais de 1,5 milhões de espectadores!

O magazine social Fama Show, que a SIC transmitiu no domingo, 23 de Janeiro, foi visto por um total de 1.514.000 indivíduos. O Fama Show alcançou, neste dia, 10% de audiência e 35.8% de share, o que constitui o segundo melhor registo desde a sua estreia. O melhor desempenho do magazine continua a pertencer ao dia 17 de Janeiro de 2010, com 10.2% de audiência média e 37.9% de share. O Fama Show estreou a 2 de Março de 2008, com 5.8% de audiência média e 29% de share.

Ana Marques hoje no Boa Tarde

Ana Marques volta hoje à apresentação do Boa Tarde. A apresentadora substitui Conceição Lino na condução do talk show das tardes da SIC uma vez que a habitual anfitriã está a percorrer o país à procura de talento nos castings do programa "Portugal Tem Talento" que estreia neste domingo à noite na SIC.
Assim sendo, à semelhança do que tem acontecido noutras ocasiões, Ana Marques estará, hoje a conduzir o Boa Tarde que tem o início marcado para as 15h40.
Esta quarta também estará aos comandos do programa da tarde da SIC!

"Dr White" começa a gravar em Fevereiro

O formato que promete mudar a vida das pessoas, para melhor, claro, arranca com as gravações em Fevereiro. Miguel Stanley, o seu autor, fala com entusiasmo de "Dr. White", descrito por si como um misto dos programas "CSI" , "Dr.House" e "Extreme Makeover".
"Acaba por juntar vários géneros no seu processo", explica o médico dentista, popularizado através da participação no programa "Doutor, preciso de ajuda", exibido na TVI.
Agora, a transformação é completamente controlada pelos serviços da sua clínica, com nome homónimo ao do produto televisivo.
O resultado do acompanhamento de um grupo de pessoas dispostas a melhorar a sua imagem e estilo de vida chegará à antena em Setembro, na SIC.
Isto porque, segundo explica Miguel Stanley, não se está diante de um projecto com o objectivo único de alterar o aspecto físico, através de cirurgias ou outros processos menos invasivos.
"É um modelo inovador, 'Dr. White' procura trazer felicidade às pessoas, através de uma panóplia de métodos, parte deles estéticos, mas não se resume a eles".
Miguel Stanley considera ultrapassados os formatos exclusivamente focados na cirurgia. "Os tempos são diferentes. Antigamente, as pessoas procuravam beleza, mas eu acredito que o futuro está na procura da felicidade. E não é preciso ser um modelo para se ser feliz", afirma.
"Estamos a falar de beleza real. É preciso ter em conta que há um conjunto de factores que nos trazem felicidade. E nós pretendemos dar sugestões nesse sentido".
As gravações prosseguem nos próximos meses, a par de todos os passos da metamorfose deste processo. "O objectivo não é o resultado estético, mas o resultado emocional e mostrar então, posteriormente, o impacto que teve na vida das pessoas".
Quanto ao número de candidatos, Miguel Stanley limita-se a dizer que recebeu inúmeros pedidos de ajuda.
JN

Jornal da Noite volta ao Top5

O programa de informação das 20h da SIC, que esta semana tem Clara de Sousa na apresentação, ficou, nesta segunda-feira, em 5.º lugar com um share de 26,2% e rat de 11,5%.
TVI – 27,2%
RTP1 – 24,7%
SIC – 22,7%
Cabo – 20,7%
RTP2 – 4,7%

24 de janeiro de 2011

Laços de Sangue vendida como Blood Ties em Miami!

Laços de Sangue está à venda! A novela da nossa gente é apresentada sobre o título "Blood Ties" e está a ser vendida em Miami onde decorre o NATPE - Content First. Nuno Santos, director de programas já viajou para os Estados Unidos onde estará presente na feira internacional de televisão.
A novela está a ser comercializada pela TV Globo Internacional que é parceira da SIC nesta produção. De referir que a novela da nossa gente tem previstos 250 episódios.

"Blood Ties
When they were children, the two sisters are swept away by a river current. While trying to save them, their father throws himself into the river and manages to save the oldest, but dies trying to rescue the other daughter, whose body never reappears. Despite the hardship that the family suffers and the guilt that she intimately feels for having survived while her sister died, Inês is a fighter, full of determination, kindness and generosity.
When Inês and João meet, they immediately feel that they were made for one another. Despite being united by this love, the relationship is shaken when Diana, the sister who everyone thought was dead, returns to get revenge on Inês, holding her to blame for the incident and the life of poverty she was destined to lead.
“Blood Ties” is the story of dramas and conflicts in contemporary society, where love continues to have a central role in anyone‘s life. It‘s a telenovela of strong women, who against all adversity, decide to roll up their sleeves and fight for their dreams."

João Ricardo e Custódia Gallego amanhã no Companhia das Manhãs

Esta terça-feira o programa das manhãs da SIC vai ter entre os convidados duas caras exclusivas do canal. Interpretam, em Laços de Sangue, Geraldina (Gi) e Armando Coutinho são respectivamente Custódia Gallego e João Ricardo. Os dois actores são 2 dos convidados de Laços de Sangue que amanhã vão passar pelo programa de Vanessa Oliveira e de Francisco Menezes!
A não perder a partir das 10h em mais um Companhia das Manhãs!

Boa Tarde recebeu Lia Gama e Sisley Dias de Laços de Sangue

Porto e Benfica jogam este fim-de-semana na SIC

É já neste fim-de-semana que a SIC volta a ter o desporto rei em competição. A Bwin Cup está de volta e com ela dois jogos que colocam frente a frente Gil Vicente X FC Porto e Desportivo das Aves X SL Benfica.
Os jogos estão marcados para sábado e domingo sendo que um dos aliciantes é precisamente a presença de equipas da Liga Zon Sagres (I Liga) em estádios de clubes da Liga Orangina (II Liga).
Se no sábado o encontro entre o Gil Vicente e o FC Porto tem o início marcado para as 20h15, o encontro de domingo entre o Aves e o Benfica tem o seu início marcado para as 18h15.
Duas boas oportunidades para se ver em acção duas equipas dos dois escalões profissionais da LPFP.
E claro, se há futebol da Bwin Cup no fim-de-semana, durante esta semana teremos mais 2 programas do Bwin Cup Show com Rita Andrade

Manuela Moura Guedes e Júlia Pinheiro reencontram-se na SIC

Manuela Moura Guedes e Júlia Pinheiro voltam a trocar ideias na SIC, depois de o terem feiro durante anos na TVI. "Têm sido umas reuniões muito musculadas", brinca a nova mulher forte de Carnaxide. "Eu apenas participei numa reunião com a Manuela e claro que correu muito bem."
A reunião foi logo no dia em que Júlia Pinheiro foi apresentada na SIC, no dia 14 deste mês, e prolongou-se até tarde. As duas acabaram por sair juntas da estação de Carnaxide. "A Manuela já teve, entretanto, outras reuniões", conta Júlia Pinheiro, que sobre o regresso da jornalista ao ecrã avança: "O formato do programa está fechado. Falta a equipa. Queremos encontrar as pessoas certas e estamos a trabalhar para isso."
Sobre o conteúdo do programa de Manuela Moura Guedes e a sua possível estreia em Março, Júlia Pinheiro não quer falar: "Deixo isso tudo para a Manuela. Na altura certa ela irá dar todas as explicações sobre o programa."
Em relação às novas manhãs da SIC, que Júlia Pinheiro vai conduzir, desvenda que a estreia poderá não ser em Fevereiro. "Não é com um estalar de dedos que se cria um projecto com cabeça, tronco e membros. Tenho o formato na cabeça, só que preciso de tempo. Não quero fazer as coisas a correr."
A apresentadora tem "o formato definido" e quer marcar a diferença nas manhãs da TV. "Sei que no daytime os formatos são muito semelhantes. Mesmo assim espero trazer algumas novidades."
DN

Portugal Tem Talento! Estreia este domingo!

Filme e Primeiro Jornal são os mais vistos da SIC

A emissão presidencial não aparece no top 5. No entanto a SIC conseguiu colocar 2 programas no top!. A SIC colocou o filme “Ponto de Mira” em 2.º lugar com um share de 29,5% e uma audiência média de 11,1%.
O Primeiro Jornal de Pedro Mourinho foi, sem dúvida, o mais visto do seu horário em que fez 10,9% de rat e 35,6% de share a alcançar a 3.ª posição.
O canal, depois de no sábado ter ficado em 1.º, este domingo foi o segundo mais visto do dia sendo que a TVI liderou o dia.
TVI - 25,8%
SIC – 24,1%
Cabo – 23,0%
RTP1 – 22,9%
RTP2 – 4,2%

23 de janeiro de 2011

Noite eleitoral está terminada

Está terminada a noite eleitoral na SIC sendo que a mesma segue na SIC Notícias com um especial de análise e depois um Eixo do Mal em directo sobre as eleições presidenciais.
Agora o SIC Blogue quer saber a tua opinião. De 1 a 5 (sendo que 1 é mau e 5 Excelente) quanto é que dás à emissão emitida pela SIC, SIC Notícias e SIC Internacional assim como pela SIC Online?
Vota porque o teu voto pode decidir a sondagem!

Estúdio de informação é um dos palcos para a noite eleitoral

A SIC Notícias já está em directo para fazer a antevisão das eleições presidenciais 2011.
Já se sabe que a estação, à semelhança do que aconteceu nas últimas eleições o local escolhido para a noite eleitoral é a sede do canal. A preferência recaiu sobre o estúdio da informação onde é realizado o Primeiro Jornal e o Jornal da Noite. Mas este não será o único espaço a ser utilizado uma vez que o estúdio da SIC Notícias (onde está a ser feita a antevisão das Presidenciais) também vai ser utilizado.
O início está marcado para as 20h em ponto com a divulgação de uma sondagem à boca das urnas para as presidenciais realizadas hoje durante todo o dia.

Números da Semana - 16 a 22 de Janeiro

A partir desta semana vai poder saber qual o share acumulado da SIC durante a semana que termina. De domingo a sábado são apresentados os resultados audiométricos, sendo que no domingo à tarde são trazidos os números da semana! Todos os domingos, às 15h, vai poder ficar a par dos “Números da Semana”.
E para começar trazemos os números de 16 a 22 de Janeiro de 2011. E o número da semana é:

23,5%

O total acumulado desta semana é de 23,5% de share sendo que o dia em que a SIC teve mais audiência foi precisamente neste sábado, dia 22, com 25,5% e o dia com menos audiência foi na sexta-feira dia 21.
O programa mais visto da SIC durante esta semana foi, sem dúvida o Jornal da Noite que foi o preferido dos espectadores da tv de Carnaxide por 6 dias consecutivos (segunda a sábado). A novela Laços de Sangue foi a preferida dos espectadores da SIC no domingo.

Até para a semana, sempre às 15h!

Jornal da Noite e Laços de Sangue no Top e SIC em 1.º

Apesar de ter sido o 2.º mais visto do seu horário, o Jornal da Noite foi ontem o 3.º mais visto do dia na tv portuguesa. O noticiário que teve nos comandos da emissão Maria João Ruela fez 30,0% de share e 11,8% de audiência média.
Quem regressa ao top dos 5 mais vistos foi Laços de Sangue que no seu episódio n.º 100 fez 11,3% de rat e 30,3% de share ficando em 4.º lugar. O episódio combateu directamente com o jogo da Liga Sagres e com a final da OT da RTP.
SIC - 25,5%
TVI - 24,8%
RTP1 - 22,8%
Cabo - 22,6%
RTP2 - 4,4%

150 profissionais para lhe levar a melhor informação das Presidenciais 2011

Avança às 20.00 com duas projecções da Eurosondagem: uma sobre as presidenciais e outra sobre o que seriam os resultados da noite eleitoral caso estivéssemos perante eleições legislativas. O responsável da Eurosondagem, Rui Oliveira e Costa, dará todas as informações sobre as duas projeções.
De acordo com a editora de política da estação de Carnaxide, Paula Santos, a noite eleitoral será garantida por uma equipa de mais de 150 profissionais.
A emissão conduzida por Rodrigo Guedes de Carvalho e Clara de Sousa, em simultâneo com a SIC Notícias a partir das 20.00, conta também com os comentadores Miguel Sousa Tavares, José Miguel Júdice e Ricardo Costa.
No exterior, haverá cerca de 15 jornalistas, incluindo todos os que participaram na campanha
eleitoral, e seis carros de exteriores em cada uma das sedes de candidatura, sendo que os maiores e mais bem equipados estarão junto às sedes de candidatura de Cavaco Silva e Manuel Alegre.

SIC Notícias
Depois de terminar o simultâneo com a SIC, iniciado às
20.00, a noite eleitoral prossegue apenas na SIC Notícias, com os comentários de Ana Gomes e Pacheco Pereira, a que se segue a dupla António José Teixeira e Henrique Monteiro.
Haverá ainda espaço para um debate com Daniel Proença de Carvalho, João Cravinho, Maria João Avilez e José Medeiros Ferreira, e um "Eixo do Mal Especial", com Nuno Artur Silva, Clara Ferreira Alves, Luís Pedro Nunes, Daniel Oliveira e Pedro Marques Lopes.
DN

22 de janeiro de 2011

A frase da semana - 2.ª temporada 2.ª edição

Boa Tarde!!!
À semelhança do que aconteceu com a 1.ª edição desta rubrica, hoje trazemos uma frase de um actor que assinou esta semana um contrato de exclusividade com a SIC. José Fidalgo foi quem disse a frase que hoje trazemos. Recorde-se que a última participação para o canal foi em Perfeito Coração.

"pronto para vestir a camisola por causa dos novos desafios"

às 21h de quarta-feira estamos de volta para a 3.ª edição!

HOJE: Episódio 100 de Laços de Sangue!!!

HOJE À NOITE NA SIC!!!

Jornal da Noite mantém-se como o mais visto na SIC

Nesta sexta-feira o programa mais visto do dia voltou a ser, na SIC, o Jornal da Noite. O noticiário comandado por Rodrigo Guedes de Carvalho foi o 6.º programa mais visto do dia com um share de 27,2% e rat. de 11,3%.
TVI - 27,8%
RTP1 - 23,8%
Cabo - 22,5%
SIC - 21,5%
RTP2 - 4,3%

Maioria de 74% quer A Noite da Má Língua de volta!

Foi no passado dia 15 de Janeiro que o SIC Blogue vos colocou uma questão: “Deve A Noite da Má Língua Voltar?” Com hipóteses de resposta entre Sim e Não, os leitores do blogue não têm dúvidas. Querem ver A Noite da Má Língua novamente no ar!
Para a hipótese “sim” responderam 162 que corresponde a 75% dos votos apurados (maioria qualificada). Para a hipótese “não” responderam 52 que em percentagem se fica pelos 24%.
Muito obrigado a todos aqueles que votaram!

Grande Entrevista a Conceição Lino

Quatro meses depois do arranque, que balanço faz de ‘Boa Tarde'?
É bom. É um projecto empreendedor. São quatro meses muito intensos, em que temos posto em prática muitas ideias. Temos feito coisas que nos divertem e que nos compensam muito. Este programa pretende trazer alguma coisa de positivo às pessoas e nós, tanto quanto é possível, cada vez que as trazemos cá, gostamos de as mimar, de as puxar para cima.
Um balanço positivo...
Muito positivo.
Como foi a adaptação a um novo registo?
Ao longo do tempo, tenho sentido um maior à vontade e estou muito confortável. Não tenho de me preparar mental ou psicologicamente quando entro no estúdio só porque venho fazer um programa que tem características diferentes do que fiz até agora. Este programa permite que esteja mais descontraída, que tenha os meus momentos de humor...
Nunca se divertiu tanto em TV como em ‘Boa Tarde'?
Sou uma privilegiada, tenho-me divertido muito ao longo da minha vida na televisão, porque não consigo trabalhar de outra maneira. Cada vez que pego num trabalho é para me entregar a ele completamente. Nunca saio perdedora de uma experiência, saio sempre a ganhar. E este trabalho também é muito criativo.
As audiências correspondem ao que esperava?
Não defini uma meta. Antes de mais, temos de fazer um trabalho que nos compense e em que acreditemos. Tenho a certeza de que este programa está próximo das pessoas e se interessa por elas. A televisão não é um percurso garantido, é um processo que nunca acaba. Não podemos descansar sobre louros de espécie alguma, ainda agora a procissão vai no adro. Quatro meses para um horário de hábitos não é quase nada.
Está satisfeita com este formato?
Estamos a trabalhar todos os dias, não é um formato fechado. Logo, podemos incluir no programa mais assuntos e fazer abordagens diferentes. É um programa em construção, não tenho a menor dúvida disso. O que é também estimulante...
Como foi recebida pela equipa da programação?
Muito bem. Sou muito bem tratada. A equipa é simpática, cada um toma conta do seu trabalho. Na redacção tenho gente que estava comigo no ‘Nós Por Cá' e pessoas que estavam a produzir as tardes da SIC. Tem sido um bom entendimento, as coisas têm corrido bem e as pessoas estão satisfeitas.
Vê a concorrência?
Espreito uma coisa ou outra e tenho informação sobre isso. Tenho pessoas que me dão nota do que se faz em Portugal, mas também noutros programas do género. Qualquer coisa pode ser fonte de inspiração, temos de estar atentos.
Tem acompanhado Fátima Lopes na TVI?
Tenho. Sei que foi para o ‘Agora é que Conta' e depois para o programa anterior, muito à semelhança do ela fazia na SIC. Penso que ela está satisfeita.
Compara o seu trabalho com o dela?
Não. O meu trabalho não comparo, porque não são coisas comparáveis. As pessoas são sempre diferentes. Quando avalio o trabalho de outras equipas, não o faço em relação à prestação dos apresentadores. Aprecio, mas não para me comparar. Não é por alguém fazer alguma coisa que vou fazer da mesma maneira.
Na sua opinião, houve espectadores da SIC que migraram com a Fátima para a TVI?
Não tenho elementos sobre isso. Mas acho normal que pessoas que gostem de ver um apresentador queiram seguir o trabalho deles. As pessoas gostam dos produtos, mas também dos apresentadores. Uma coisa não é dissociada da outra.
E com o regresso da Júlia Pinheiro pode passar-se o mesmo?
Obviamente, a Júlia é uma apresentadora muito forte, isso faz todo o sentido. Há pessoas que seguem o trabalho dela há anos e que procuram saber o que ela está a fazer onde ela estiver. Isso é natural.
E qual será o impacto da entrada da Júlia na SIC?
Bom. (risos). Acho que vai ser bom.
Ela vai coordenar os talk shows diários. O que pode mudar em ‘Boa Tarde'?
Isso depois é o que se vai ver.
Falaram da mudança?
Não. Pelo que sei, ela está a chegar [entrevista foi realizada na véspera da apresentação de Júlia Pinheiro].
Mas são amigas...
Sim, mas sempre conseguimos distinguir o que é profissional do que é pessoal. Não se mistura trabalho com amizade.
Tem saudades do jornalismo?
Não consigo dissociar-me do jornalismo. Parte do que faço é exactamente igual ao que fazia antes de vir para o ‘Boa Tarde'.
Entregou a carteira profissional...
Sim, porque estou a fazer uma coisa com características diferentes.
Como foi esse momento?
Teve de ser. Fiz uma suspensão da carteira. Já tenho idade suficiente para perceber que os caminhos das pessoas de vez em quando têm cruzamentos e que se vira para outra direcção. É assim que se faz a vida profissional das pessoas.
Está, então, convicta de que tomou a decisão correcta ao aceitar este desafio?
Não tenho dúvidas. Estas decisões não se tomam para andar a hesitar. Não se pode vir para um desafio destes, de um programa diário, com dúvidas. Isso é impossível de fazer. E ainda por cima divertir-me com isso. Ainda que possa ter mais ambições em relação ao programa, que tenho.
E como vê estas contratações na SIC?
De forma positiva. Tudo o que for para fazer avançar este projecto, para mim é bem-vindo.
Passou anos na informação. Manuela Moura Guedes tem lugar?
Não tenho grande opinião porque a Manuela ainda não começou a trabalhar. Agora, é uma jornalista que não tem medo das palavras, e isso é uma coisa boa. Se vier com essa atitude, é bom, porque acredito que, nesta altura, o jornalismo em Portugal pode fazer toda a diferença. O País precisa muito que os jornalistas cumpram o seu papel, porque nos últimos anos temos assistido a uma degradação da imagem dos políticos. Há casos de bradar aos céus. A utilização dos dinheiros públicos é escandalosa. Pagamos impostos mas não sabemos muito bem como é que aquilo é gerido. Temos um sistema político cheio de vícios, de pessoas que se protegem umas às outras, gente que devia ter responsabilidade e decência e que não tem. Quando penso em como se dá a volta a isto, vejo nos jornalistas uma parte do caminho, porque estas coisas precisam de ser ditas, sustentadas, investigadas.
Faz falta jornalismo de investigação?
Claro e fazem falta pessoas que tenham espírito de investigação. Ser jornalista é ter uma missão. Tudo o que for para agitar, com responsabilidade e rigor.
Nesse sentido, Moura Guedes será uma mais-valia?
Ela faz parte desse grupo de jornalistas. As pessoas podem gostar mais ou menos, mas ela ao longo dos anos tem demonstrado que não tem medo das palavras. Isso, para mim, é saudável. É bom.
Está na SIC desde o início. Teve convites para mudar?
Tive.
RTP ou TVI?
Ambas.
Algum recente?
Não.
Porque não aceitou?
A SIC faz parte de mim. Tenho arranjado sempre espaço para projectos diferentes, para crescer profissionalmente, e custa-me muito em momentos, que também os tive, mais baixos ou de maior desânimo, trocar isto por outro projecto. Encontrei sempre motivos para continuar a trabalhar na SIC e tive sempre liberdade para o fazer. Nunca tive qualquer constrangimento. Isso para um jornalista é um valor imenso.
Hoje, se tivesse algum convite, aceitaria?
Depende do convite! (risos) Não, não estou a ver que isso pudesse acontecer. Aqui encontro o meu espaço e isso é muito bom.

"Já nos deixaram de boca aberta"
O novo desafio de Conceição Lino passa por ‘Portugal Tem Talento' (estreia dia 30), onde faz parte do júri, ao lado de José Diogo Quintela e de Ricardo Pais. A apresentadora revela que durante os castings têm surgido muitos talentos e promete "um programa irresistível". "Há pessoas que já nos deixaram de boca aberta", revela. Sobre o papel de jurada, conta que é "o trabalho mais difícil" que já teve, devido às "expectativas que as pessoas levam para um concurso deste género". "Não gostam de ouvir um reparo ou uma crítica. Gostam dos aplausos". Mas o balanço é francamente positivo. "Divirto-me muito. Já vimos dezenas e dezenas de candidatos e tenho-me divertido em quase todos, mesmo quando não são tão bons ou quando são maus".

Aproximar do público
Em ‘Boa Tarde', Conceição Lino tem proporcionado algumas surpresas ao público. À Correio TV, a apresentadora explica que ajudar e aproximar-se das pessoasé um objectivo. Para tal, conta, já realizou diversas iniciativas, como quando surpreendeu "toda a plateia do programa com tratamentos dentários" que custam milhares de euros. Uma iniciativa destinada a pessoas que "dificilmente teriam a possibilidade financeira de se tratar". "Temos a certeza de que fizemos a diferença na vida destas pessoas", diz. Além disso, já deu "viagens a pessoas que nunca andaram de avião", ajudou famílias sobreendividadas a renegociar as dívidas, mudou a "imagem a mulheres que estavam mesmo a precisar de um mimo" e levou "camas articuladas e cadeiras de rodas a várias famílias" que de outra maneira não teriam acesso a estes equipamentos. Gestos que dão "a sensação de que vale a pena fazer este programa".

PERFIL
Aos 45 anos, Conceição Lino aceitou o desafio de assumir as tardes da SIC. Casada e com duas filhas, a apresentadora está em Carnaxide desde o arranque da estação, onde apresentou, entre outros, programas como ‘Praça Pública' e ‘Casos de Polícia'. Licenciada em Ciências Sociais e Humanas pela Universidade Nova de Lisboa, Conceição Lino esconde um talento: a apresen-tadora adora cantar.
CM